Dia Mundial da Terra

Workshops, livros e uma visita às escuras ao Pavilhão do Conhecimento



O que levar na mochila em caso de catástrofe? Esta sexta-feira, 22 de Abril, às 21.00, é obrigatório estar munido de um kit de sobrevivência para uma visita às escuras ao Pavilhão do Conhecimento, em Lisboa. Investigadores e activistas partilharão a sua luta pela defesa do nosso planeta numa visita onde a única luz… será a da lanterna dos participantes! Este é um dos destaques da programação de dois dias que o Pavilhão do Conhecimento dedica ao Dia Mundial da Terra.

No sábado, dia 23, às 11.00, um workshop no Laboratório convida as famílias a porem as mãos na terra para estudar as minhocas, descobrir como estas reciclam a matéria e de que forma nos podem ajudar a reduzir o lixo que produzimos. Carolina Bianchi, CEO da Mudatuga, uma empresa que tem como missão alertar para a importância da compostagem doméstica e comunitária, conduz a sessão. No mesmo dia, às 15.00, a bióloga muda-se para a Oficina Dòing e desafiará as famílias a construírem um compostor com materiais reciclados segundo o método japonês Takakura.

Obrigatório também passar na banca da Mudatuga, no Átrio, para conhecer o Bokashi, um compositor doméstico premiado no concurso de empreendedorismo EIT Climate-KIC, e na Oficina Dòing, onde as t-shirts que estão no fundo do armário ganharão uma nova vida para o verão.

Os livros também fazem parte da programação do Pavilhão do Conhecimento no âmbito do Dia Mundial da Terra. No dia 22, às 15.00, terá lugar o lançamento do livro “A revolta da natureza em Brimsa”, com oferta a cada participante de um exemplar assinado pela investigadora Vanda Brotas, autora desta história que começa com um estranho sms que pede a dedicação da população de Brimsa para compreender a natureza.

“Investir no nosso Planeta” é o mote da edição deste ano do Dia Mundial da Terra. Empresas, governos e cidadãos são convidados a desenvolver iniciativas que promovam mudanças de comportamento com vista à resolução da crise climática e à criação de um planeta saudável.