REGIÃO - Arte no Feminino

O Município de Portalegre inaugura a 9 de Junho pelas 18h00, no Museu da Tapeçaria de Portalegre – Guy Fino, as Exposições Arte no Feminino – Em Ponto de Portalegre, com curadoria de Vera Fino e Maria João de Melo, e Arte no Feminino – Conceber e Tecer, Tecer e Conceber (CTTC), com curadia de Ana Maria Gonçalves.

Sob um denominador comum, a Arte no Feminino, ambas as exposições sublimam o papel da mulher na Arte Têxtil contemporânea.


A exposição em Ponto de Portalegre mostra tapeçarias e cartões de cerca de duas dezenas de artistas, como Vieira da Silva, Menez e Joana Vasconcelos, e homenageia as pintoras e as tecedeiras, que num trabalho conjunto de rigor e construção de arte mural de grande qualidade excelência. Em Ponto de Portalegre recorda o papel da própria Manufactura das Tapeçarias de Portalegre na promoção e na projecção destas artistas e das suas obras pelo mundo!

Por outro lado, Conceber e Tecer, Tecer e Conceber (CTTC) reúne trabalhos de tapeçaria contemporânea, num registo de maior liberdade criativa, com recurso a formas mais soltas e orgânicas e a materiais alternativos. Recupera o percurso artístico das primeiras mulheres que usaram a tapeçaria como forma de emancipação e de afirmação. Vai buscar as precursoras de movimentos associativos que trabalharam e desenvolveram a Arte da Lã em diferentes variáveis, e segue o rasto dos nomes que, aos dias de hoje, se evidenciam nesta área, num total de 34 artistas representadas, entre as quais Gisella Santi, Maria Flávia Monsaraz e Vanessa Barragão.

Com estas exposições, o Museu da Tapeçaria de Portalegre – Guy Fino continua a assumir o seu papel incontornável no panorama cultural contemporâneo regional e nacional, associando novas linguagens artísticas ao seu discurso tradicional e promovendo a descentralização e o acesso à cultura.


(Fonte-CMPortalegre)