O TAKE AWAY AO SERVIÇO DAS POPULAÇÕES

Os restaurantes continuam apenas com o ‘Serviço ao Postigo’, como na apresentação do Plano de Desconfinamento, apresentou o Primeiro-ministro. Virão depois as esplanadas e então o serviço nas mesas no interior, com todas as normas em curso. Isto se os parâmetros se forem mantendo ou melhorando.


Sem sombra para dúvidas que o sector da restauração tem sido o mais duramente castigado por esta pandemia.

Não é também indubitavelmente, menos verdade que, o sector da restauração tem mostrado uma resiliência a toda a prova, agarrando-se desesperadamente ao Take Away, quer ao postigo, como na entrega ao domicílio.

Em Arronches temos esse exemplo deste sector da economia que não baixa os braços e quase todos, disponibilizam este serviço. Se mais não for, para assegurar as despesas mínimas (na sua maioria empresas familiares) e manter a cabeça ocupada em prol de uma melhor saúde mental.