MONFORTE - Torre de Palma e uma família à descoberta da paixão do vinho

"A apanha da uva em Torre de Palma teve de ser adiantada em cinco dias devido ao tempo quente e seco que se tem vindo a sentir em Portugal. Em Monforte, o rancho ainda faz a apanha manualmente pois é uma forma de manter a qualidade da uva e do produto final, divulga o D.N.


O relógio batia as 7h00 da manhã e já estava um grupo de pessoas (o rancho) a chegar às vinhas de Torre de Palma para começar a vindima que este ano se iniciou cinco dias antes do previsto por causa do calor e da seca que se tem vindo a sentir em Portugal. Durante um mês e meio, mas não todos os dias, o rancho está a vindimar (…)

A casta aragonez é uma das sete produzidas em Torre de Palma. Nesta vinha as uvas são todas autóctones portuguesas. Nos tintos, além do aragonez, também se produz a Touriga Nacional, o Alicante Bouschet e a Tinta Miúda. Nos brancos, é produzido o Alvarinho, o Arinto e o Antão Vaz. Este ano os brancos já foram todos vindimados".


(Créditos e foto - Diário de Notícias)