DIA MUNDIAL DA OBESIDADE

No dia Mundial da Obesidade o Continente um dos maiores distribuidores alimentares senão o maior, declarou ‘guerra’ à obesidade reduzindo drasticamente o açúcar e o sal nos seus produtos.


Nos produtos de marca própria o Continente cortou 1.185 toneladas destes dois componentes. Neste dia foi divulgado “ o resultado dos planos de optimização nutricional em mais de 350 produtos de marca própria, com reduções anuais de 800 toneladas de açúcar, 120 toneladas de sal e 385 toneladas de gorduras saturadas. A marca eliminou ainda o óleo de palma a 80 dos seus produtos”.

Até ao final de 2022, estima-se” uma redução de sal nas sopas Continente de cerca de 4 toneladas, uma redução de 12% do teor de sal em batatas fritas e snacks e uma redução de 10% do teor de açúcar em iogurtes e leites com chocolate”.


Para Mayumi Delgado, responsável pela equipa de Nutrição do Continente, “são reduções importantes que o Continente faz em prol da saúde dos portugueses, ajudando à prevenção da obesidade, mas também das doenças associadas, como doenças cardiovasculares, diabetes tipo 2, e muitas outras. Dois em cada três portugueses têm excesso de peso ou obesidade e o problema agravou-se com a pandemia. Nesse sentido, a equipa de nutrição do Continente tem acelerado a optimização nutricional para ajudar a inverter esta situação”.