ATLÉTICO CLUBE DE ARRONCHES – ACADEMIA VOLTA À ACTIVIDADE

Este tempo de paragem na formação dos jovens da Academia de futebol do Atlético Clube de Arronches, em consequência da pandemia, eventualmente o seu regresso em finais de 2021, podia ser um factor na motivação dos jovens e dos progenitores.

Para sabermos qual a situação actual, o N.A., marcou encontro com o presidente do clube, Nelson Velez, precisamente durante um treino no Estádio Municipal ‘Francisco Palmeiro’.(com podcast).


Nelson Velez perante esta questão disse-nos que “ a adesão dos miúdos tem sido muito positiva, assim como o acompanhamento dos pais no processo da actividade do futebol de formação. O clube programou este processo sempre tendo em conta as normas da DGS. Os atletas fizeram o teste Covid, antes da retoma dos treinos e, felizmente, todos deram negativo. Posteriormente fizeram os exames médicos para agora podermos fazer as inscrições nos diversos escalões”.


Quanto aos escalões que vão competir nesta época adiantou-nos serem “de Traquinas, Petizes e Infantis, num total de 38 atletas até à presente data”, deixando a possibilidade de se aparecerem mais jovens atletas “o clube está disponível para isso, para o que basta entrar em contacto com o coordenador da Academia, João Trindade ou, com um membro da direcção do clube, para abrir esse procedimento pois é possível inscrever mais miúdos”.

Nestes escalões de formação para além dos próprios miúdos, os principais motivadores são os pais, até porque está pendente da sua autorização para isso. Perante esta questão pertinente que colocámos a Nelson Velez afirmou que “o papel dos pais é sem dúvida muito importante” até porque os próprios pais lhe “transmitiram sempre confiança para retomar a actividade o mais rápido possível”.

Naturalmente que, a preocupação dos pais, está subjacente a este longo período de inactividade física e psicológica que o treino e os jogos lhes proporciona. Neste tempo de pandemia os jovens e crianças passaram muitas horas frente a computadores, telemóveis ou tabletes.

Nesse sentido o presidente do Atlético/Academia é peremptório ao dizer que “ o desporto é um sector chave para alcançar um estilo de vida saudável e a sua prática deve ser incrementada, desde logo muito cedo”. Principalmente desde a “infância que é a idade destes miúdos”.

Todos esperamos uma mudança de paradigma com o desporto de formação, em que muitas vezes os pais pensavam que, em cada miúdo, estava um ‘craque’ com um futuro brilhante e que lhes mudaria as suas vidas. Ainda é assim, ou esta pandemia mudou as mentalidades no que ao desporto concerne, questionámos.

Nelson Velez está esperançando que “os pais neste momento o que querem é que os miúdos pratiquem desporto e que saiam de casa e deixem um bocadinho os tabletes e os telemóveis de parte. Portanto que os filhos pratiquem desporto para serem mais saudáveis. Não tenho dúvidas sobre isso", afirmou.

Para colocarem estes 38 (para já) miúdos a treinar e jogar é necessário uma equipa técnica vocacionada para a formação para isso diz contar com “ a equipa técnica composta pelo mister João Trindade, que é o coordenador da Academia, o mister Filipe Paixão, treinador-adjunto, ambos certificados pela Associação de Futebol de Portalegre para a função que vão desempenhar, Portanto tenho a certeza que estão bem entregues e seguros”, assegurou.

O Presidente do Atlético lamentou não conseguirem fazer a equipa de Iniciados por “ termos só nove miúdos, sendo que, dois deles eram guarda-redes. Isto só se consegue resolver com atletas vindos de concelhos limítrofes. O clube não tem essa disponibilidade financeira para ter uma viatura e um condutor habilitado para exercer essa função. Esta situação só se poderá resolver com a ajuda da Câmara Municipal ao disponibilizar uma viatura e o respectivo condutor para transportar esses jovens. Uma situação que se pode colocar no futuro”, em sua opinião.

Sendo embora uma academia em que as boas vontades são imprescindíveis, é certo que o clube terá que ter uma certa estrutura para materializar este projecto, já com anos no Concelho de Arronches.

O apoio principal vem do “Município, da equipa técnica, direcção e, muito importante, a colaboração dos pais dos atletas, em que todos estão disponíveis quando há um torneio ou qualquer evento que tenha a ver com o Atlético. Estão sempre disponíveis para colaborarem com a direcção do clube... e que os filhos sejam felizes”

No final, Nelson Velez deixa um apelo tanto aos pais como à população de Arronches, que "vão ver os jogos dos miúdos porque é importante sentirem que têm publico a vê-los e ficam contentes. Até no futebol sénior isso se passa, sendo pessoas adultas, quanto mais os miúdos”, concluiu.