«A VIAGEM DOS 50 ANOS» – O LIVRO DE DIAMANTINO MARTINS

Diamantino Martins, alentejano dos quatro costados nascido em Arronches, a que Camões chamou de ‘Forte Arronches’ é também ele, uma força da natureza.


Tinha um sonho desde criança que era conhecer o Mundo, outros povos, outras culturas. Foi assim que começou a sua dissertação sobre este seu livro em que contou com dois amigos para a apresentação: Raquel e José Figueiras, na ausência por impossibilidade de Liliana Campos.

Ontem com a sala da Biblioteca Municipal de Arronches cheia de amigos e conterrâneos, Diamantino convidou-nos a todos, a embarcar na viagem que lhe faltava fazer depois dos imensos países que já visitou. Falou-nos dos seus inícios com a viagem a Londres ainda muito jovem, para depois, aos poucos, com a sua tenacidade escolher (porque sabia que era por aqui que tinha que ir) fazer a sua profissão, quase como uma missão.

Para este arronchense viajar é um investimento no conhecimento, na cultura, no fazer amizades para a vida e ser capaz, em cada viagem, de se despojar dos bens materiais como as roupas que deixa a quem precisa no termo de cada escala das suas viagens.

Faltava-lhe contudo terminar um ciclo de viagens, em que juntasse as pontas que lhe faltava para unir o mundo, o seu Mundo. Essa viagem pelo mundo, celebrando 50 anos era o que lhe faltava fazer, mas sozinho e apenas levando o essencial.

Com o dom da palavra e a fluidez do discurso, prendeu-nos e contou-nos as aventuras passadas em algumas das viagens. Os momentos mais complicados, como chegar ao Japão com roupas de verão e ser confrontado com temperatura de 15º negativos. Diamantino Martins é um homem com Amigos por todo o mundo pela sua capacidade de comunicação, espírito empreendedor e nunca se dar por vencido.

No seu currículo tem nomes de clientes nos mais variados quadrantes, e foi precisamente de uma dessas amizades, que nasceu a ideia de editar este livro para o qual foram seleccionadas as fotos dos muitos milhares do seu espólio.

Os pais e a sua terra, são as raízes que o prendem sempre que pode para regressar a Arronches. Depois da apresentação do livro no Brasil e em Lisboa, acedeu ao pedido do Município para que o fizesse também na sua terra natal…não pôde dizer que não!

Raquel e José Figueiras, falaram do Amigo ‘Diamante’, do seu relacionamento e das suas viagens em conjunto, e não pouparam em palavras, guardando até uma surpresa com pequenos vídeos projectados no ecrã com mensagens de Liliana Campos, Ricardo Pereira e Cláudia Vieira (mais imagens no facebook do N.A.).

O Presidente da Câmara Municipal de Arronches, João Crespo, agradeceu no final a disponibilidade de Diamantino Martins para fazer a apresentação do seu livro na sua terra e integrado no programa das festas.

Os livros para os seus conterrâneos, foram colocados abaixo do preço de capa, houve autógrafos e desejo de felicidades para este ‘globetrotter’ das viagens pelo mundo.

João Crespo como anfitrião terminou por convidar todos os presentes a um pequeno lanche na sala do Centro Cultural.


(Fotos - Notícias de Arronches)