“A passagem do ano vai ter todas as restrições, não haverá seguramente festas e festejos"

O primeiro-ministro, António Costa, adiantou hoje que no sábado anunciará as medidas para o Natal “com as melhores condições possíveis”, mas avisou desde já que “a passagem do ano vai ter todas as restrições”.


Em entrevista, esta manhã à Rádio Observador, o primeiro-ministro, António Costa, anunciou que o plano de confinamento para o Natal será anunciado no próximo sábado pelo Governo.


Segundo o chefe do Governo, as medidas serão definidas a partir de mais uma reunião do INFARMED, que terá lugar na quinta-feira.

As medidas conhecidas no fim-de-semana vão vigorar até 6 de Janeiro. “O Governo propôs ao Presidente da República, e o senhor Presidente da República aceitou que desta vez, quando anunciarmos a renovação do estado de emergência, possamos anunciar não só as medidas para a próxima quinzena como as medidas para a quinzena seguinte, ou seja, até 6, 7 de Janeiro”, revelou hoje António Costa, em entrevista à rádio Observador.