“À CONVERSA COM…”CLÁUDIO HENRIQUES - Universidade Sénior de Monforte



No âmbito da actividade “À conversa com…”, o actor Cláudio Henriques esteve em Monforte, no dia 17 de dezembro, onde foi recebido pelo Presidente do respectivo Município, Gonçalo Lagem, o Vice-presidente e Vereadores do seu Executivo, respetivamente Fernando Saião, Mariana Mota e Emídio Mata, a Dirigente da Unidade Orgânica Sociocultural, Educação e Desporto, Teresa Cunha, e pelo Coordenador da Universidade Sénior do Município de Monforte, Manuel Pedras, e alunos, com os quais partilhou episódios mais marcantes da sua carreira profissional.


Cláudio Henriques começou por estudar “Publicidade e Marketing” que abandonou à primeira oportunidade que, em 2010, lhe surgiu para entrar no “mundo” da representação. A partir daí, o processo de desenvolvimento nessa área foi intenso e rápido. Já participou em telenovelas e séries televisivas, realizações cinematográficas e campanhas de publicidade de marcas comerciais conhecidas, mas é nos palcos das salas de espetáculo que se sente como “um peixe dentro de água”. Por este motivo e porque recentemente foi pai, regressou a Estremoz, a sua terra natal, à procura de “mais tempo” e onde, entretanto, fundou a associação “Coletivo Cultura Alentejo” e é Encenador e Diretor artístico do grupo TAE (Teatro Amador de Estremoz).

Este encontro foi promovido por Rui Serrano, funcionário da Câmara Municipal de Monforte e ator da peça de Teatro "Carvão, a desconhecida história do Natal", sobre a qual o convidado focou grande parte da sua conversa.


A peça estava inicialmente prevista para ser assistida presencialmente no Teatro Bernardim Ribeiro, em Estremoz, mas, atendendo às recomendações de distanciamento da Direção Geral da Saúde no combate à propagação da pandemia causada pela Covid-19, a sua estreia decorreu online, no dia 16 de dezembro, pelas 11:00h.

"Carvão, a desconhecida história do Natal" foi produzida pela “Coletivo Cultura Alentejo”, com o apoio da Câmara Municipal de Estremoz, e a encenação foi de Cláudio Henriques, o texto original de Filipa Fonseca, a assistência de encenação de Francisco Lapa, interpretação de Rui Serrano, João Gonçalo Fonseca, Filipa Fonseca e Cláudio Henriques, a iluminação e sonoplastia estiveram a cargo de Pedro Soeiro, e o vídeo de Luís Mendeiros.

Os alunos ficaram a conhecer Nataniel, o irmão do Pai Natal, também conhecido por Carvão que lhes transmitiu uma mensagem de Amor, Amizade e diversão, valores tão importantes nesta e em todas as épocas do ano.